Com seios à mostra Femen, protestam em Zurique

O grupo feminista ucraniano Femen protestou em Zurique, na Suíça, contra a Copa do Mundo de Hóquei de 2014, em frente à sede da federação internacional do esporte. O torneio será realizado na Bielorrússia, que vive uma crise política. Os cartazes são contra o mandatário do país, Alexander Lukashenko, desde 1994 no poder. O manifesto, como de costume, foi com os seios à mostra.


A Bielorrússia vive uma crise política. O motivo do protesto é o presidente Alexander Lukashenko, que está desde 1994 no poder e é visto como um ditador pelo grupo.


O grupo feminista ucraniano Femen fez mais um protesto. Desta vez, as garotas não levaram em conta o frio de Zurique, na Suíça, e tiraram parte da roupa para se manifestarem contra a Copa do Mundo de Hóquei de 2014, a ser realizada na Bielorrússia.






referência