Massacre em Partida no Egito

Confusão generalizada matou mais de 70 pessoas, com aproximadamente 1000 feridos, na partida entre Al Masry e Ahly no Egito.


Mohamed Barakat, jogador do time da capital egípcia, afirmou: "Pessoas morreram, estamos vendo cadáveres agora. As forças de segurança nacional não nos protegeram. Porém, a culpa é nossa de jogarmos esta partida. As autoridades do futebol estão com medo de cancelar o campeonato, porque eles só se preocupam com dinheiro, não se importam com a vida das pessoas".

A Federação de Futebol do Egito confirmou que a Liga nacional está suspensa por tempo indeterminado. O Ministério do Interior garante que os conflitos foram orquestrados pelos torcedores do Al Masry.

Imagens da confusão :



Vestiário do Al-Ahly após a confusão:


referência...