Tailandesa comeu os filhos pensando que eram porcos

Mulher tailandesa da região montanhosa de Chiang, perto da fronteira com a Birmânia, cozinhou e comeu seus filhos, com idades entre um e cinco anos, e foi encontrado pela polícia dormindo em sua casa, cercado por partes de seus corpos.

Ela vinha sofrendo de doença mental desde 2007, mas recentemente havia parado de tomar sua medicação.


O marido havia deixado ela sozinha com os seus filhos por alguns dias para ir buscar sua medicação.

Ele disse: "Eu tive que sair da cidade por alguns dias para compra a medicação dela, e nunca imaginei que algo assim poderia acontecer."

Dr. Kiattiphum Wongrachit do Departamento de Saúde Mental disse: "A mulher matou seus filhos, porque seu tratamento foi interrompido."

Ele acrescentou que acredita-se que em seu estado alucinógeno, pensou que seus filhos eram porcos e ela ainda não tem consciência que matou seus filhos.

Um relatório do hospital de seu tratamento em 2007 afirmou que a mulher sofria de alucinações e acreditava que alguém estava chegando para machucá-la.

A mulher, cujo nome não foi divulgado para a proteção de sua família, foi acusado de homicídio, embora os detalhes da acusação ainda não foram divulgados.

Referência...