Celinho entre líderes mundiais



Empresa usa montagens de líderes políticos e religiosos em campanha contra o ódio.


Uma campanha lançada pela United Colors of Benetton polemizou ao publicar fotos-montagens de beijos entre líderes mundiais, da política e da religião. Entre as duplas estão Barack Obama e o líder chinês Hu Jintao; o Papa Bento XVI e Ahmed Mohamed el-Tayeb, imã da mesquita de AL-Azhar no Cairo (o mais importante e moderado centro de estudos islâmico sunita do mundo); o presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmoud Abbas, e o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu.

A campanha é da Fundação Unhate – concebida e fundada pelo Grupo Benetton – e, segundo a empresa, tem como “objetivo opor-se à cultura do ódio, promovendo – com uma chamada global de ação e com as mais inovadoras ferramentas de comunicação – a proximidade entre os povos, crenças, culturas e a compreensão pacífica das razões dos outros”.

“Com esta campanha decidimos dar visibilidade mundial a uma importante ideia de tolerância, para convidar os cidadãos de todos os países, em um momento histórico de grandes turbulências e não menores esperanças, a refletir sobre como o ódio nasce, sobretudo, do ‘medo do outro’ e do que não se conhece”, disse Alessandro Benetton, vice-presidente executivo do Benetton Group.

Ainda segundo a empresa, o projeto inclui uma série de coordenadas de iniciativas e eventos que terão início hoje. O beijo foi escolhido como tema central da campanha, por ser “o símbolo mais reconhecido do amor”.

Veja algumas imagens da campanha:




Fonte