Internautas brasileiros usam rede para achar informações sobre saúde

Um levantamento revela que 80% dos internautas brasileiros usam a rede para buscar e trocar informações sobre saúde. Mas especialistas alertam: esse hábito pode atrapalhar o diagnóstico de doenças e estimular a perigosa automedicação.
Medicamentos, hospitais e pessoas em busca de experiências vividas por outros pacientes são as informações mais pesquisadas. Mas só um em cada quatro internautas se certifica se a informação é confiável. Enquanto isso, é cada vez maior o número de brasileiros que usa a internet para se auto-diagnosticar e medicar. Em um site americano, basta escolher uma região do corpo e descrever um sintoma para receber uma lista com possíveis doenças. Jornal da Band